direitos humanos

Diante da ameaça do fascismo, multidão lota 11ª Caminhada pela Liberdade Religiosa

 

Por Rithyele Dantas
Mais de 5 mil pessoas – a imensa maioria fiéis de religiões afro-brasileiras – tomaram o calçadão de Copacabana neste domingo (16). 
Caminhada Liberdade Religiosa 2018-19
Foto de Rithyele Dantas | Jornalistas Pretas
Já é tradição no Rio: em janeiro o réveillon, em fevereiro o carnaval, em setembro a Caminhada Pela Liberdade Religiosa. Além da multidão vestida de branco, da Umbanda e do Candomblé, a mais tradicional caminhada pela liberdade religiosa do Rio de Janeiro teve a presença de alguns notáveis de outras religiões, como o padre Fábio de Melo e o pastor Kléber Lucas, da Igreja Batista.

Continue lendo